Gentileza: caminho certo para a qualidade no atendimento

Tuesday, November 13, 2018


No mês em que se comemora o Dia Mundial da Gentileza, somos convidados a refletir sobre o perfil de atendimento 

Um bom atendimento vai muito além de ser educado e gentil. Tratar bem os clientes não é um diferencial, é o requisito mínimo para um bom atendimento. Portanto, atender o cliente com qualidade significa superar as expectativas dele, colocar-se no lugar do outro para melhor atendê-lo, conhecê-lo e servi-lo. Outro fator importante para um bom atendimento é que o atendente seja seguro, claro, objetivo e, principalmente, não transmita incerteza, pois nem sempre falar mais significa passar mais informação. 

Para alcançar melhorias na qualidade do relacionamento e do atendimento é necessário, no entanto, fortalecer e trabalhar internamente algumas competências básicas e essenciais: empatia (capacidade de se colocar no lugar do outro); resiliência (capacidade de enfrentar e lidar com situações de estresse e de se refazer delas); maturidade; otimismo; comunicação; respeito e humildade.

Uma equipe de atendimento deve ser uma unidade transformadora em uma empresa, na qual os problemas e dúvidas são convertidos em satisfação e qualidade. O objetivo é superar o constante desafio de mediar os problemas dos clientes com excelência, porque sempre existirá uma maneira ainda melhor de atendê-los. Por isso, é fundamental que a prática da gentileza seja um exercício diário. Afinal, ninguém gosta de ser maltratado ou menosprezado. Isso gasta energia, cansa e contamina o ambiente. A verdadeira mudança ocorre de dentro para fora e essa é, sem dúvida, uma responsabilidade de todos nós. 

Dia Mundial da Gentileza. Celebrada em 13 de novembro, a data reforça como as boas atitudes contagiam o próximo com o bem e melhoram a vida dos que vivem ao nosso redor. Criado no Japão para inspirar as pessoas a promoverem um mundo mais gentil, o movimento completa 20 anos em 2017.